sexta-feira, 28 de abril de 2017

Amigo que é amigo...

Cuidado com aquele amigo que nunca te repreende e sempre concorda com você, talvez ele não concorde de verdade e sinta de fato prazer em te ver vacilar e se tornar um ser humano lixo que vacila com todos como se não houvesse amanhã.

Cuidado com aquele amigo que te repreende em público como se você fosse criança e não fosse capaz de ter suas próprias opiniões, talvez ele não queira te ajudar, mas sim, apenas expor as suas debilidades.

Valorize o amigo que sabe justificar os seus erros diante dos estranhos, diante deles te abraça, mas que na cumplicidade que só aos amigos é dada, te diga "hey, você errou", "véy, cê bateu pesado!", "moça, você exagerou", "cara, não curti!". ...


Mais vale um amigo que as vezes nos amarga, do que um falso que docemente nos azeda a alma.

Amigo respeita o tempo do outro.
Respeita as criancices, a imaturidade, o silêncio, as palavras torpes, a tagarelice, as dores, as "neuras" e tudo mais. Sem julgar. Sem "mimimi".

Amigo é aquele que desperta seus sonhos adormecidos e esquecidos pelo curso rotineiro da vida. Que além de despertar esses sonhos, se faz presente e não se cansa de buscar soluções para que esses sonhos virem realidade.

Muito feliz por ter amigos do mais alto padrão da humanidade.

Lauraine Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marque presença