quinta-feira, 6 de maio de 2010

TEMPO

Estou só.

Curtindo a felicidade dos outros, nunca fazendo a minha.
Triste na solidão agoniada de sofrer.
Por sofrer calada: porque não adianta compartilhar meu sofrimento, ninguém poderá me consolar.
Não existe quem me ouça. Não existe quem me atenda.
Quem pode me atender acha que ainda não é a hora - estou na fila de aguardo.

...estou na fila... ainda não é a hora...

Estou evitando os porquês, já que não tenho como respondê-los, e as respostas que encontro nunca são suficientes. .

Não tenho nem com quem desabafar!
Não tenho coragem de dizer o que me dói.
De qualquer maneira, não há solução para a dor que sinto, a não ser: esperar!

E enquanto espero, me rebato no sofrimento diário sem conseguir escapar da minha dor.

Minha solução: não tenho. possibilidade: só o tempo poderá dizer.

Minha agonia: eterna enquanto nao ver solução!!!

Lauraine Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marque presença