terça-feira, 28 de julho de 2009

Preciso sentir-me viva novamente...

Preciso sentir-me viva novamente!
Ter emoções positivas, fortes, instintivas!!
Preciso sentir a vida circular em meu sangue, em minhas veias, em meu abstrato mundo real!

Preciso descobrir novamente os desejos, as paixões, os impulsos naturais a uma pessoa da minha idade.

Preciso sentir-me viva novamente!
Procuro formas paliativas de solucionar essa ausência de desejo vital que tem me faltado, mas nada satisfaz! Não consigo enganar meus sentimentos.

Platão não conhecia o mundo virtual, mas a tecnologia comprova sua teoria de que é na ideia que tudo se processa. Ou, quase tudo...

Tento satisfazer-me na ideia, nas lembranças de quando sentia-me viva, e a sensação é tão boa, que temo ficar aprisionada às lembranças de maneira que jamais consiga sair dela.
/tenho medo de surtar, de fugir a realidade/

O dia-a-dia me corrói.
A rotina me detona!!! Acaba comigo! Deixa-me sem vida! Deixa-me ainda mais platônica e inerte aos ideias traçados como alvos.

Hoje, não me basta só amar.
Preciso de muito mais. Preciso amar, viver, arriscar, sentir, gritar, cantar, pular, SORRIR!
Preciso sentir a adrenalina jorrar no sangue de repente, preciso sentir o sangue em si correndo dentro de mim...

Preciso de paixão, tesão, emoção, intensidade, razão, profundidade!!
Preciso de mim... preciso-me viva! Viva, sentindo a vida sem tanta precisão do exato, do correto, do politicamente correto...
Quero a explosão da mais íntima sensação de estar vivo!
Quero não só racionalizar a mais essencial razão de viver: Quero sentir, quero viver!!

Mesmo sem estar conseguindo, aproveito meu momento deprê para dizer ao mundo que quero viver! Que preciso viver!! Que...

Preciso sentir-me viva novamente...


Lauraine Santos.

Lembrei-me de mim

Estou passando por aqui apenas para me lembrar que eu existo!!!

Que não sei muito bem o por quê,
Que não sei como,
Que não sei como saber...

Só sei que estou aqui!

E fico feliz por poder me lembrar disso,
Só lamento o fato de ter que passar por aqui para me lembrar que eu existo:

É deprimente!!

Pois se não viesse hoje, me esqueceria de minha própria existência, seria meu último fim
Depois do fim em que já me encontro instalada!!!

Lauraine Santos.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Super Poderosa


Tenho em minha mente e em minhas mãos as palavras,
O que é muito mais valioso do que ouro, prata ou petróleo.

Sim, as palavras valem mais!
Foram as palavras que criaram o mundo e todo o restante.
Tenho esse poder em minhas mãos...
Tenho em minhas mãos o pode de criar emoções nos que me cercam,
Emoções essas que podem fazer nascer, crescer ou morrer a qualquer indivíduo.

Pergunto-me, por que dominar a palavra, se na verdade, é ela quem me domina?
Respondo-me que o dom que Deus dá não se questiona, apenas se usa!
E se o Próprio Deus, me deu como dom as palavras, ponto de partida após a idealização,
E deu-me também a idéia (com acento, pois sou da antiga)
Para que as palavras não fiquem sem sentido, é porque os sentidos ainda precisam ser melhor entendidos.

Mais que entendidos, os sentidos devem ser vividos,
Ouvidos, vistos, tocados, saboreados, exalando suas essências essenciais ao que é lícito e necessário ao homem para que viva bem.

Termino aqui minhas palavras, imaginando que seus sentidos podem estar agora mais aguçados e melhor aproveitados, tal qual minhas idéias sugerem!!

Lauraine Santos.

Uma artista completa!!

Esqueci de dizer que também sou artista!!

Sim!! Uma artista completa!!

Fiz teatro,

Pois é: Sou ATRIZ!

Sei teoria musical,

Toco bateria

e Aprendi dança judaica....

Quer mais o quê?!?!

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Um pouquinho de mim...

Vendo óculos na óptica do meu pai, estou nisso desde os 12, 13 anos... ai, sei lá! Desde que nasci!

Comecei a namorar e fui trabalhar na papelaria, aprendi a vender por vender, sem precisar de muita técnica ou tempo calculando preços, dando descontos ou convencendo o cliente de estar bonito e em boas mãos!

No entanto, foi na ALFABETIZAÇÃO que aprendi o que melhor sei fazer: ESCREVER!!

Aprendi a ESTUDAR e o melhor, a GOSTAR disso....

Hoje, tenho um boletim informativo que é um sucesso, sou uma excelente estudante, prosseguindo na carreira que me fez: a pedagogia!

Mas antes ainda da pedagogia, veio Deus, num momento difícil, deprimente, antagônico e me deu a possibilidade de conhecer um pouco de sua ciência sistematizada. Foi quando mal terminei o Ensino Médio e já estava com o diploma de Bacharel em Teologia nas mãos; não por mérito meu, mas pela misericórdia de Deus.

Tenho talentos que conheço e não exploro,outros talentos ñ sei q existem, mas por certo mesmo, sou apenas serva de um D's vivo!

quinta-feira, 16 de julho de 2009

02/11 nunca mais será o mesmo...

Mas viveu por 93 anos debaixo da graça, do amor e da fé em Cristo

...tão serena q se não estivessem tão perto nem perceberiam que ela tinha parado de respirar
...
... a tranquilidade que a gente tem em saber q ela viveu o que pregou...
...assim, tamanha paz q se via... a gente via q não sentiu dor pra morrer, o motor simplesmente parou de funcionar...
...e detalhe: por mais que você ame o valor devido , real, só vem depois a morte...infelizmente...
...é! a ausência é sempre mais forte e mais incômoda que a presença...
...uma coisa a vida tem em comum coma morte: a estranheza...
...quando falaram q tinham internado ela, eu pensei "agora vai", mas por outro lado, ela já deu tantos sustos na gente, q eu não queria acreditar q realmente iria...
...e pra ela agora é como se fosse o fim... Nila era o ultimo elo, o ultimo amor que havia sobrado...

Exemplo pra mim, pois:

"COMBATEU O BOM COMBATE, ENCERROU A CARREIRA E GUARDOU A FÉ"

Que assim seja minha vida enquanto viver neste mundo.

quarta-feira, 1 de julho de 2009