terça-feira, 10 de março de 2009

Agora É Que São Elas

- HOMENAGEM AO DIA DAS MULHERES -
Lenine

Composição: Indisponível

Belas, singelas, donzelas,
Sem elas o mundo não vai pra nenhum lugar.
Santas, rainhas, meninas,
Com elas o mundo aprendeu a girar.
Do mistério à criação
Do desejo à compaixão

Elas
Agora é que são elas
Cinderela, Rapunzel,
A tinta que dá sentido ao papel
O pincel, aquarela
E a mão que assina a pintura na tela

Loucas Varridas, mimadas,
Sem elas o mundo é sem rumo e sem direção.
Lindas, Espertas, Dengosas,
Pancadas de chuva sem previsão.
Do mistério à criação
Do desejo à compaixão

Elas
Agora é que são elas
Cinderela, Rapunzel,
A tinta que dá sentido ao papel
O pincel, aquarela
E a mão que assina a pintura na tela

Manas, insanas, ciganas,
Sem elas o nosso pecado não tem perdão.
Divas, benditas,
Sagradas barrigas gerando a multiplicação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marque presença